Arraiá Saudável: receitas nutritivas para curtir o São João

Está chegando a temporada da festividade mais emblemática do Nordeste brasileiro e que também se tornou parte da cultura nacional. A festa de São João, também conhecida popularmente como “Festa Junina”, remonta às tradições católicas em homenagem a Santo Antônio, São João e São Pedro, que têm suas datas comemorativas em 13, 24 e 29 […]

Está chegando a temporada da festividade mais emblemática do Nordeste brasileiro e que também se tornou parte da cultura nacional. A festa de São João, também conhecida popularmente como “Festa Junina”, remonta às tradições católicas em homenagem a Santo Antônio, São João e São Pedro, que têm suas datas comemorativas em 13, 24 e 29 de junho, respectivamente.  

A Festa Junina é brasileira? 

A ideia da Festa Junina foi trazida ao Brasil pelos portugueses no século XVI, ainda durante o período de colonização. Na época, a comemoração em homenagem aos santos se definia em missas, procissões e comemorações populares, com dança e comida típicas europeias. 

Porém, com o passar do tempo, a festividade foi adaptada, adquirindo características próprias, influenciadas pelas culturas indígenas e afro-brasileiras. Por exemplo, da cultura indígena, veio elementos como a fogueira; enquanto da afro-brasileira, incorporou-se danças, músicas e a comida. 

Quais são as comidas típicas da Festa Junina?

As festas juninas são famosas por sua variedade de comidas típicas, que refletem a riqueza culinária e cultural do Brasil. Entre as principais guloseimas desta época estão o milho-verde, o pinhão, diversos preparos feitos de amendoim, pipoca, cachorro-quente, entre tantas outras! 

Porém, é importante aproveitar toda a comilança de forma consciente, buscando opções mais saudáveis e naturais sempre que possível. 

A boa notícia é que não é necessário abdicar das comidas típicas para comer com tranquilidade.  É possível preparar alguns desses quitutes de maneira que se tornem benéficos para a saúde. 

Veja a seguir como você pode tornar o preparo de algumas comidas típicas das festas juninas mais saudável e depois confira uma dica de receita para essa época do ano: 

  • Milho-Verde: o milho-verde é uma excelente fonte de fibras e antioxidantes, por isso é extremamente benéfico para a saúde. Mas, cuide com o preparo. Evite adicionar manteiga ou margarina=. Em vez disso, experimente cozinhá-lo no vapor ou assá-lo, e tempere com ervas frescas ou especiarias para realçar o sabor sem necessidade de adição de sal ou gorduras.
  • Amendoim: o amendoim é uma ótima fonte de proteína e gorduras saudáveis. Prefira consumi-lo natural ou torrado, sem adição de sal ou açúcar. Evite os amendoins salgados e processados, que tendem a ser ricos em sódio e gorduras saturadas.
  • Pipoca: a pipoca é um lanche saudável quando preparada da maneira certa. Evite os pacotes de pipoca de micro-ondas, que geralmente contêm muita gordura e aditivos. Em vez disso, opte por estourar a pipoca na panela e use uma pequena quantidade de óleo saudável, como óleo de coco. Tempere com uma pitada de sal ou especiarias para um toque extra de sabor.
  • Quentão: o quentão, uma bebida quente à base de cachaça, pode ser adaptado para uma versão mais saudável. Reduza a quantidade de açúcar adicionada e experimente substituir parte dela por adoçantes naturais como mel ou xilitol. Além disso, adicione especiarias como canela, cravo e gengibre para dar sabor sem a necessidade de muito açúcar.

Quer uma ideia de receita de prato típico saudável? Aposte em uma canjica light! 

Canjica saudável 

Esse costuma ser um prato bastante calórico, principalmente pela adição do açúcar em quantidade e o leite integral (mais gorduroso). Mas, para deixar a canjica mais leve, substitua pelo adoçante de forno, leite desnatado e leite de coco. Confira! 

Ingredientes

  • 500 g de milho para canjica
  • 1 e 1/2 xícara (chá) de leite em pó desnatado
  • 1 e 1/2 xícara (chá) de água
  • 4 xícaras (chá) de leite desnatado
  • 1 xícara (chá) de adoçante de forno e fogão
  • 1 vidro de leite de coco light
  • 2 paus de canela grandes
  • 5 cravos da índia
  • 1 colher (sopa) de margarina light

Preparo

Primeiramente, um dia antes do preparo, deixe os grãos de canjica de molho em água. 

Na hora de preparar, cozinhe-os (com quantidade suficiente de água para cobrir os grãos) por cerca de uma hora e meia a duas horas em panela comum ou por 30 a 45 minutos em panela de pressão. 

O cravo e a canela devem ser cozidos juntos com os grãos.

Enquanto isso, bata o leite com o leite em pó, o adoçante e o leite de coco no liquidificador. 

Assim que o cozimento terminar e os grãos estiverem macios, junte o batido de leite e a margarina. Deixe ferver por 10 minutos. Mexa de vez em quando para não grudar no fundo da panela. Antes de servir, deixe descansar por cerca de uma hora.  

(Fonte da receita: fundacaocargill.org.br)

POSTAGENS RELACIONADAS